Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Perguntas Frequentes
Início do conteúdo da página
Perguntas Frequentes CMTU

Por favor, selecione abaixo a fonte para perguntas

Pesquisar FAQs

Respostas às dúvidas frequentes relativas aos serviços prestados pela CMTU - Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização de Londrina - PR.

Para obtenção da credencial do idoso a pessoa deve ter mais de 60 anos de idade, de acordo com o a resolução 303 do Contran, comprovado através de:

* Fotocópia da carteira de Habilitação CNH (caso o credenciado seja o condutor), cédula de identidade ou outro documento a ele equiparado que contenha data de nascimento e filiação;
*Fotocópia do comprovante de residência do município de Londrina atualizado (conta de luz, fatura telefônica, em nome da pessoa a ser credenciada). Se estiver no nome do cônjuge, anexar cópia da certidão de casamento.

Em caso de impossibilidade de comparecimento, o interessado poderá se fazer representar por procuração particular, reconhecidas assinaturas em cartório. OBS: Após 03 (três) dias úteis, posterior ao preenchimento da ficha de inscrição será expedida a credencial.

Para obtenção da credencial do deficiente, são necessários os seguintes documentos:

- Cópia da habilitação ou cópia do RG com filiação;
- Cópia do comprovante de residência de Londrina;
- Laudo médico original ou cópia autenticada, comprovando que a pessoa tem deficiência de locomoção, mobilidade reduzida entre outros.
- Deficiente visual - Laudo médico comprovante ser deficiente visual dos dois olhos (não pode ser visão parcial).

Os agentes de trânsito da CMTU atuam diariamente nas ruas da cidade com rondas e fiscalizações. A companhia conta com a ajuda da população na realização de denúncias pelo telefone 3379-7629.  Após o atendente colher todas as informações, o agente mais próximo é localizado e encaminhado para verificar a ocorrência e, se for o caso, multar o infrator.

O gerenciamento do trânsito na cidade é feito por dois órgãos distintos, com atribuições diferentes. Enquanto o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina (Ippul) é encarregado do planejamento das vias, a CMTU tem o papel de executar as determinações do órgão para as ruas e avenidas e de fiscalizar os condutores.
A instalação de redutores de velocidade e de semáforos, bem como a colocação de quebra-molas, por exemplo, exigem a elaboração de estudos técnicos. Assim, orientamos que os pedidos sejam realizados diretamente no IPPUL, pelo telefone 3372-4724 ou pelo e-mail ippul.transito@londrina.pr.gov.br. Dessa forma, após a conclusão do projeto, as melhorias são encaminhadas para execução por parte da CMTU.

Saiba mais sobre Sinalização Viária

Na opção "Diretoria de Trânsito" / "Multas de trânsito" são encontradas as orientações e formulários para o recurso e a apresentação de condutor. É necessário que o recurso seja protocolado na CMTU ou postado no correio até a data limite informada na notificação recebida.

Saiba mais sobre Multas de Trânsito

 

As manutenções dos terrenos particulares são de responsabilidade do proprietário. Se não for realizada a conservação correta a Companhia emite uma notificação e, se não acatada, a CMTU realiza a capina e roçagem e emite uma multa.  As denúncias podem ser realizadas pelos canais de atendimento: telefone 3379-7900 ou e-mail sac.cmtu@gmail.com.

O pedido de reserva de vagas de estacionamento tem de ser feito pessoalmente na sede da CMTU. A solicitação precisa ser realizada com no mínimo 48h de antecedência. Além de informar o endereço da mudança, o modelo e a placa do veículo  que será utilizado, o interessado precisa pagar a taxa de R$ 14,39 (valor para a reserva de duas vagas, do lado da via onde é permitido estacionar) ou R$ 16,08 (valor para duas vagas, em lado da via onde o estacionamento é proibido). O contato do setor competente é 3379-7941.

Esses locais recebem um sofá e um colchão por morador/dia de descarte, além de móveis em madeira como mesas, guarda-roupas, armários, entre outros. Além disso, são aceitos podas de árvore, entulho, tábuas etc. O limite para descarte é de 1m³ por pessoa, que equivale a 8 carriolas de pedreiro.

Saiba mais sobre o PEV.


Voltar
Fim do conteúdo da página