Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > CMTU divulga balanço do serviço de sinalização em fevereiro
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

CMTU divulga balanço do serviço de sinalização em fevereiro

Atividades somaram 10.982 m² de pintura revitalizados em todas as regiões da cidade; no mesmo período, 21.414 metros lineares de meios-fios receberam pintura na cor branca

  • Escrito por Assessoria de Imprensa CMTU

 

A Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) concluiu o mês de fevereiro com saldo de 10.982 m² de sinalização viária revitalizados em todas as regiões de Londrina. Foram quase 2 mil m² a mais do que o registrado em janeiro, quando a soma das atividades chegou a 9.171 m². No mesmo período, 21.414 metros lineares de meios-fios receberam pintura na cor branca, utilizada para melhorar a visualização dos limites das vias em condições de baixa luminosidade.

Dentre os trabalhos realizados no mês passado, destaca-se a readequação viária feita no Parque Guanabara, onde as ruas La Paz e Georgetown passaram a contar com mão única de circulação. As mudanças, sugeridas pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina (Ippul), incluíram também a proibição de conversão à esquerda no cruzamento da rua Montevidéu com a avenida Higienópolis. Para aproveitar a iniciativa, a CMTU reformou as pinturas em toda a extensão da via, desde a rua Tupi até a Madre Leônia Milito.

Perto da Higienópolis, foram contempladas com o serviço importantes vias da Gleba Palhano, como as ruas Jerusalém, João Huss, Heitor Astrogildo Lopes, João Wyclif, Bento Munhoz da Rocha Neto, além da avenida Garibaldi Deliberador, no jardim Claudia.

Ainda na zona sul, a companhia atuou nos bairros Vilas Boas, São Lourenço e Piza. Entre as intervenções executadas estão a demarcação de vagas de estacionamento e guias-rebaixadas, lombadas, marcas de canalização e de parada obrigatória, linha de proibição de estacionamento, faixas de pedestres, setas de direcionamento e legendas de alerta.

Na região oeste, avenida Maringá foi completamente revitalizada. A iniciativa alcançou também o cruzamento da Ibiporã com a Professor Samuel Moura, a rua João XXIII e a rua Prefeito Faria Lima. Neste local, o trabalho envolveu a implantação de novas placas, pinturas e a colocação de tachões refletivos no trecho entre o Aterro do Igapó e o Lago III, pensados com o objetivo de garantir a segurança dos pedestres que circulam pela área.

Na face norte da cidade, houve melhorias na avenida Saul Elkind, em frente ao Sesc Norte, no conjunto Sebastião de Melo. Na área leste, bairros como o San Fernando, San Izidro, o Califórnia, Monte Carlo e Vale Verde tiveram reforma de alguns trechos, enquanto a rua Maria Abucarub Antoun, no Alexandre Urbanas, ganhou sinalização especial no entorno da Escola Maria Shirley Lyra. Já na parte central do município os esforços se concentraram nas ruas Quintino Bocaiúva, Paranaguá, Benjamin Constant e Belo Horizonte.

Entre janeiro e fevereiro, a média de produção ficou em 10 mil m²/mês, índice superior à média de 6.548 m² mensais registrada em 2017. Para solicitar os serviços da CMTU na área de sinalização viária, os moradores podem acionar a companhia pelo endereço www.cmtu.londrina.pr.gov.br, além do e-mail sac.cmtu@gmail.com e do telefone 3379-7900.

Registrado em:
Fim do conteúdo da página