Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Moringão recebe o baile para idosos “Olhe, Dance e Sinalize”
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Moringão recebe o baile para idosos “Olhe, Dance e Sinalize”

O evento, que teve como público-alvo pessoas acima dos 60 anos, integra a programação da Semana Nacional do Trânsito em Londrina

 O Ginásio Moringão foi palco, na tarde desta terça-feira (19), do baile para idosos “Olhe, Dance e Sinalize”. O evento integra a programação da Semana Nacional do Trânsito, que se estende até o dia 25 de setembro. O evento contou com apresentações, danças e conscientização sobre a saúde e trânsito.

O “Olhe, Dance e Sinalize” é organizado pela Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) e pela Secretaria Municipal do Idoso, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, com apoio da Fundação de Esportes de Londrina (FEL). O evento também contou com a parceria da Qualimed, Ótica Diniz, Sorrifácil, Escute Mais e Faculdade Pitágoras. Juntas as entidades ofereceram aferição de pressão, exame para detecção de diabetes, teste de audiometria, teste de visão, aulas de alongamento e orientações nutricionais.

Para a secretária municipal do Idoso, Nádia Oliveira de Moura, o evento apresenta um novo formato. “A atual gestão, além de trabalhar na continuidade das campanhas, tem como objetivo intensificar as ações que beneficiam o maior número possível de pessoas. Hoje as secretarias trabalharam juntas para concretizar isso. Os Centros de Convivência do Idoso já vêm trabalhando a questão da conscientização do trânsito com os idosos, então decidimos unir o útil ao agradável, que é a dança e a informação”, explicou.

idoso.baile.V2Além de orientações sobre segurança viária e serviços de saúde, o evento contou com três apresentações de grupos que são acompanhados pela Secretaria no Idoso, o Kotobuke, o Nakayoshi e o grupo 3ª geração do Sabará, que apresentou o “rap do idoso”, com a temática do respeito ao trânsito. “O rap possui orientações de como atravessar na faixa, como descer do transporte coletivo, pedindo para que o motorista tenha um pouco mais de paciência. Então tudo isso trabalha na própria conscientização do idoso”, considerou o gerente de Articulação Comunitária da Secretaria do Idoso, Cleir Brandão.

O evento também contou com a participação de profissionais dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) e alunos de fisioterapia e enfermagem da Faculdade Pitágoras. Também esteve presente no evento o diretor presidente da FEL, Fernando Madureira.

Registrado em:
Fim do conteúdo da página